Como você escolhe seus tratamentos estéticos?

Como você escolhe seus tratamentos estéticos?


Poucas vezes nos preocupamos com os reais efeitos que isso causará para nossa pele e nosso organismo.

Como você escolhe seus tratamentos estéticos?
Por: Fabiana Cristina de Ramos

Falar sobre estética e bem-estar torna-se cada vez mais um dilema, principalmente quando envolvemos as questões de eletroterapia. Nós, que adoramos aqueles efeitos milagrosos, poucas vezes nos preocupamos com os reais efeitos que isso causará para nossa pele e, até mesmo, nosso organismo. Quando somos leigos no assunto, não imaginamos quantas questões fisiológicas estão envolvidas e quais serão os reais efeitos a longo prazo. 

Este artigo serve de alerta para você que sai comprando todos os milagres televisivos oferecidos diariamente, e também se interessa por promoções de grupo com pacotes prontos que não se preocupam nem ao menos em avaliar as clientes para saber que tipo de tratamento oferecer. Você realmente acredita que se fosse tão fácil assim, as atrizes e modelos estariam gastando fortunas com boa alimentação, academias, esteticistas, etc?!

Um exemplo bem atual e que causou febre nas mulheres logo que chegou ao mercado é a criolipólise. Você provavelmente já ouviu falar e se encantou com os milagres oferecidos por esse tratamento: o congelamento da gordura, que depois será eliminada durante alguns meses pelo seu organismo. 

Esse aparelho foi oferecido aos cirurgiões plásticos e, adivinha, eles não aceitaram a proposta oferecida. Sabe por que? Pois ainda não existem estudos a longo prazo que comprovem os reais efeitos que esse tipo de tratamento pode ocasionar para a sua pele e seu organismo. Além disso, ainda corremos o risco de passar pela mão de profissionais não tão bem qualificados quando se trata de disputa de preço de mercado.

Quando questionamos esses profissionais com relação a oferta desse tipo de serviço, muitos desconhecem os riscos e alguns até sabem, mas por uma questão de procura no mercado, acabam tendo que oferecer para seus clientes. Nada contra, desde que deixem claro todas as questões envolvidas.

Portanto, não saia acreditando em tudo que dizem. Pesquise, estude, busque informações concretas e, principalmente, pare de acreditar que existem milagres. Um tratamento que se preze deve ser feito por um profissional que avalie antecipadamente e monte um protocolo especifico para aquilo que seu cliente deseja. Pois, se milagres existissem, alguém estaria milionário e muitos seriam exemplos de beleza e perfeição.